Saltar para o conteúdo

Educação Sentimental

(Educação Sentimental, 2013)
7,4
Média
45 votos
?
Sua nota
Direção
Júlio Bressane
Roteiro:
Júlio Bressane, Rosa Dias
Gênero:
Drama
Origem:
Brasil
Estreia:
13/12/2013
Duração:
84 minutos

Lupas (11)

  • Filme de natureza inquietante, fala de arte, do apaixonar-se pela completude e ilusão da arte, de como ela faz falta em um mundo cada vez mais estúpido e intolerante. É anacrônico, pulsante, poesia de imagens e palavras. Joia que passou despercebida pelo grande público. Pena!

    Zacha Andreas Lima | Em 19 de Novembro de 2019 | NOTA: 8.5
  • Transcendental ao mesmo tempo em que se quebra. Impossível de se definir, fácil de se entregar. Um filme.

    Luís F. Beloto Cabral | Em 17 de Novembro de 2018 | NOTA: 9.0
  • Olha, eu fico meio de saco cheio do Bressane.

    Daniel Mendes | Em 13 de Outubro de 2015 | NOTA: 6.0
  • A Lua que se apaixona por um mortal, que como punição castiga-o com o sono eterno. Bressane usa do mito de Selene & Endimião como introdução para nos presentear com filme carregado de poesia e ode ao cinema, a literatura e música.

    Rafael Alves | Em 02 de Janeiro de 2015 | NOTA: 7.0
  • Filme responsável e saudável quanto ao tempo que habita. Aqui, menos é mais, na verdade quanto menos, melhor, e depois de 20 minutos não há mais volta: O espectador será hipnotizado até o fim, o que neste caso faz valer uma revisão.

    Douglas Rodrigues de Oliveira | Em 10 de Março de 2014 | NOTA: 7.0
  • O discurso é interessante mas a dança pura não é e o maçante domina. Terminar daquele depois da grande cena com a mãe só traz desgosto.

    Adriano Augusto dos Santos | Em 08 de Março de 2014 | NOTA: 7.0
  • Wow.

    Vítor Miranda | Em 20 de Fevereiro de 2014 | NOTA: 8.5
  • Bressane transforma aqui para a linguagem cinematográfica com cuidado minucioso, um retrato surrealista, crítico de seu próprio tempo e filosófico com uma estética parecida com de Apichatpong. Envolvente e sedutor, junta cada arte com habilidade inovadora

    Ricardo Nascimento Bello e Silva | Em 01 de Fevereiro de 2014 | NOTA: 8.0
  • Um sopro de inteligência em meio a tanta porcaria exibida por aí.

    Douglas Braga | Em 29 de Janeiro de 2014 | NOTA: 7.5
  • 28/01/14

    Eduardo Scutari | Em 28 de Janeiro de 2014 | NOTA: 7.0
  • Ao mesmo tempo em que é um filme muito experimental, bebendo da fonte das vanguardas dos anos 20, é muito centrado nas atuações, nos silêncios, nos espaços, numa investigação sobre o que há de invisível (e essencial) na natureza e no contato humano.

    Polastri | Em 20 de Dezembro de 2013 | NOTA: 8.5